segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Texto de Evellyn Diniz sobre a série Autismo no Fantástico

Simplesmente amei o texto da amiga Evellyn Diniz. O original foi publicado em seu blog:
 http://poderdospais.wordpress.com/2013/08/12/o-fantastico-jogo-dos-7-erros/

"Gente, eu precisava falar que concordo com muitas das observações que estão sendo feitas nas redes sociais sobre o segundo episódio da série Autismo Universo Particular do Fantástico. PORÉM, NÃO DÁ PRA FICAR TRANSFORMANDO O QUADRO EM UM JOGO DOS SETE ERROS!
O autismo é a coisa mais INEXATA E PLURAL que conhecemos! Aliás, corrijo, OS AUTISMOS!
Existem correntes diferentes, crenças antigas, mitos arraigados sobre o autismo que terão que ser derrubados CRIANÇA POR CRIANÇA.
Generalização sempre vai existir, mas o que importa nesse quadro é mesmo ACENDER A LUZ VERMELHA para pais que possam estar perdidos sem saber o que o filho tem e DAR UMA SACUDIDA na sociedade sobre o tema de um modo geral.
ISSO JÁ ESTÁ ACONTECENDO! O inbox do meu blog hoje amanheceu cheio de mensagens com tom de urgência de pessoas querendo orientações porque após o programa perceberam que podem estar diante de um filho autista!!
SACUDIR A COMUNIDADE MÉDICA para a capacitação dos profissionais em relação ao diagnóstico também é importante!
Agora vejam bem, o próximo programa será AINDA MAIS POLÊMICO porque vai falar de tratamentos, ou seja, APENAS DAQUELES NOS QUAIS O ORIENTADOR PRINCIPAL DO QUADRO ACREDITA.
Não vão falar de dietas e podem até falar mal … não vão falar de homeopatia, nem de quelação, nem de intestino (ISSO SIM SERIA UMA SURPRESA BOMBÁSTICA!), nem de abordagens terapêuticas consideradas “alternativas”. NÃO VÃO MESMO, TIREM SEUS CAVALINHOS DA CHUVA! Não vão descrever a individualidade biológica do seu filho, nem suas comorbidades específicas ao pé da letra, não tem como!!
E mais: até falarão de genética e estrutura neuronal, mas NÃO FALARÃO DE GATILHOS AMBIENTAIS IMPORTANTES QUE NÓS CONHECEMOS MUITO BEM!
Portanto, amigos de batalha, deixem a GLOBO, O DRÁUZIO E O SALOMÃO fazerem o trabalho deles do jeito que eles sabem e FAÇAMOS O NOSSO de formiguinha do jeito que AGENTE SABE QUE REALMENTE É EM SUA PLURALIDADE DE DEMANDAS E SOLUÇÕES!
Se o programa der uma sacudida na geral, está valendo, é o que temos por agora. Temos que analisar se é preferível um silêncio generalizado sobre o tema ou um barulho (novela, Fantástico, jornais) com uma mancada aqui e outra ali.
Afinal, o tema está em pauta! Alguém dirá que é epidêmico no mundo todo? Talvez não! Alguém dirá que A PLASTICIDADE EXISTE DO BERÇO AO TÚMULO E QUE HÁ POSSIBILIDADES INFINITAS ATÉ MESMO PARA O AUTISTA ADULTO? Talvez não! Alguém dirá que existem pessoas RECUPERADAS do lado obscuro da “síndrome” e que hoje são mentes necessárias ao mundo utilizando seus dons e percepções peculiares para o bem da humanidade? Talvez não! Restará, amigos, muito a ser dito.
Mas o que for dito é palavra lançada e não voltará vazia em nossa direção. Devolvamos à sociedade uma renovação da informação em tom amadurecido, individualizado e esperançoso. Nós somos especialistas nisso, esqueceram?"
Evellyn Diniz.

Segundo capítulo da série aqui: 
http://g1.globo.com/fantastico/videos/t/edicoes/v/veja-caracteristicas-que-podem-ajudar-a-desconfiar-quando-a-crianca-tem-autismo/2750954/