domingo, 15 de junho de 2014

Intercâmbio Brasil-França

Evento para 450 pessoas
Ontem, participamos de um evento em Campinas, SP, e Nicolas foi aplaudido de pé, por cerca de 450 convidados. Mas, como chegamos até lá?

Tudo começou quando recebemos um intercambista em nossa casa no final do ano de 2012. Ele morou conosco por cerca de quatro meses, mas conviveu com nossa família por quase um ano. Humbert Moreaux, francês de 19 anos, veio para o Brasil para passar um ano em uma outra cultura e para aprender muito sobre ele mesmo, afinal, ele chegou aqui um menino de 17 anos, meio assustado, tímido e cheio de receios e saiu daqui um homem.

Nicolas e Humbert
Eu, Manu, Renata e Isabelle, esposa
 de Manu e mãe de Humbert.
Quando Humbert veio morar conosco, explicamos a ele que nosso filho era autista e se ele não se importaria de morar em uma casa que tivesse uma criança especial. Ele prontamente respondeu que não. Perguntei a ele se ele sabia o que era autismo, ao que ele disse ter uma pequena ideia, mas não sabia exatamente o que era. Expliquei a ele que era muito fácil conviver com o Nicolas e que ele era estimulado o tempo inteiro para que pudesse desenvolver mais. Não demorou muito para que uma amizade linda nascesse. Nicolas e Humbert logo se tornaram irmãos e o carinho com que ele cuidava de Nicolas era emocionante. Ele nos ajudou muito em uma fase que o Nicolas estava em pleno desenvolvimento. As brincadeiras, os cuidados, as ajudas nas lições e nas conversas etc.

Fotos expostas no telão.
A família de Humbert ficou sabendo da amizade que se fez aqui no Brasil e logo essa amizade se estendeu para as famílias. Quando fui para a França, para pesquisar sobre autismo, fui tratada como uma rainha! O carinho de sua família para com a minha era, e ainda é, uma delícia. Uma amizade que queremos que dure para sempre...

Quando Emmanuel Moreaux, pai de Humbert, teve contato com nossa família por Skype, e mais tarde comigo pessoalmente, me ofereceu uma coleção de fotos para que pudéssemos vender e arrecadar fundos para a "associação do Nicolas". Porém, o Nicolas não tem uma associação. Então, oferecemos esta coleção de fotos para algumas associações para que organizássemos uma grande festa para arrecadar fundos. Emmanuel é um renomado fotógrafo na Europa e suas obras são simplesmente encantadoras.
Nicolas falando de seu amigo Manu

Nicolas falando de seu irmão Humbert
A Katia Coutrim acreditou no projeto e levamos a proposta à Dra. Sueli que, prontamente, começou a organizar um super evento em Campinas para arrecadarmos fundos para o PAICA (Projeto de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente). Uniram forças sem medir forças ou esforços e, no dia 14 de junho de 2014, o evento foi realizado com todo o sucesso possível. A "Turma do Macarrão",  o Senhor Norimiti Higa e mais uma porção e pessoas se reuniram durante semanas e venderam cerca de 450 convites. O salão estava cheio e tudo estava maravilhoso!

Infelizmente, nosso artista, Emmanuel Moreaux, teve um grave enfarto dois dias antes de embarcar para o Brasil e foi hospitalizado. Ficou duas semanas internado e, ao acordar, só se preocupava com a exposição aqui no Brasil. Cuidamos de tudo para que ele tivesse seu devido reconhecimento. Emmanuel é maravilhoso tanto em sua arte, quanto como pessoa. Dedicado a seu trabalho e apaixonado pela vida, Manu (como o chamamos carinhosamente) doou parte de seu trabalho para ajudar famílias que ele nem ao menos conhece.

Muito orgulho!
Ontem, durante o evento, Nicolas fez uma homenagem a nosso artista-amigo/amigo-artista e foi emocionante. Nicolas foi aplaudido de pé por todos os presentes no salão. Uma salva de palmas longa em homenagem ao Nicolas, ao Emmanuel e a todo aquele que acredita que o tratamento ainda é a melhor saída para darmos qualidade de vida aos nossos filhos.

Manu, você não pôde estar aqui conosco, presente, mas estava dentro do coração de cada um que tem orado por você para que você se recupere logo e plenamente.

Nossos mais sinceros agradecimentos e nosso carinho eterno a você <3


Manu e eu - 14 de julho de 2013